Posição

Como chegar

De automóvel

Vindo seja de Norte, seja de Sul, a saída recomendada é “Firenze SUD” (Florença SUL): depois de sair prosseguir em direcção a Florença até passar a Ponte di Varlungo. A seguir à Ponte virar à esquerda em direcção ao Centro e prosseguir sempre a direito pelos Lungarni (Lungarno Aldo Moro, Lungarno Colombo e Lungarno del Tempio) durante cerca de 3 Km. Assim que chegar à Ponte San Nicolò é obrigado a virar à direita para a Viale Amendola. Daqui apanha-se a primeira à esquerda (Viale Duca degli Abruzzi) e seguidamente mais uma vez à esquerda para a Viale Giovine Italia onde se retomará a direcção dos Lungarni. No final da Viale Giovine Italia virar à direita e prosseguir por este Lungarno até à Biblioteca Nazionale (Biblioteca Nacional) na Piazza dei Cavalleggeri. Aqui, entrar pela Corso dei Tintori. No final desta rua, no semáforo, vira-se à esquerda retomando novamente a direcção do Lungarno onde se vira à direita até à Ponte Vecchio. Depois de chegar a esta ponte vira-se à direita na Via Por Santa Maria e seguidamente, 200 m depois, à direita encontra-se a Via Vacchereccia onde, em frente ao famoso Bar Rivoire, se encontra o Relais Piazza Signoria.

De comboio

A Estação Santa Maria Novella encontra-se a cerca de 1 km da Relais Piazza Signoria. Para chegar à Relais pode-se apanhar um táxi ou apanhar o autocarro em direcção ao Duomo. Em ambos os casos o tempo de percurso é de cerca de 10 minutos, seguindo o itinerário acima descrito.

De avião

Chegado ao aeroporto internacional de Florença ”Amerigo Vespucci” (a 10 km do centro), existem duas formas de chegar à Relais:
- de taxi, mediante o qual se chega directamente à Relais em cerca de 20 minutos;
- com o serviço de vaivém “Vola in bus”, mediante o qual se chega à Estação de Santa Maria Novella em cerca de 20 minutos. A Piazza Signoria é acedível seguindo o itinerário acima descrito.


  • O Relais adopta o nome da magnífica praça que se admira da sua perspectiva de vista: Piazza Signoria, símbolo da arte e da arquitectura florentina e centro político e social da cidade até ao final da época Medieval.
  • A extraordinária localização permite desfrutar das riquezas do centro histórico com toda a descontracção. Todas as principais atracções artísticas e culturais podem ser visitadas mediante um simples passeio: para além da Piazza, o Palazzo Vecchio e a Ponte Vecchio, pode chegar comodamente à Galleria degli Uffizi a 50 m, o Duomo com o Campanário de Giotto a 200 m, as Capelas Médicis em San Lorenzo, o Museu do Bargello, a belíssima Basílica de Santa Croce a 500 m, a Galleria dell’Accademia a 500 m bem como o Palazzo Pitti, a Igreja do Santo Spirito e o Jardim dos Boboli logo do outro lado do Arno.
  • Uma estada na Relais garante, entre outras coisas, um excepcional lugar na primeira fila para os espectáculos e as exibições que têm lugar na Piazza Signoria. De entre todas, destacamos os tradicionais desenvolvimentos de “maneggio della bandiera” (“manejamento da bandeira”) dos Sbandieratori (bandeirantes), que fazem reviver as atmosferas envolventes da Florença Quinhentista. Com efeito, estas exibições mergulham as suas raízes já na época medieval: representavam eventos de teor quer bélico quer de festa popular.
  • A excepcional acessibilidade ao património artístico conjuga-se de forma óptimal às facilidades que tornam a Relais também numa estrutura moderna e conveniente para o turismo de negócios. Quem venha a Florença a trabalho encontrará os principais centros de negócios, como o Centro de Congressos, a apenas 3 km. E tudo com o auxílio de transportes públicos extremamente cómodos, autocarro a 50 m e táxi a 200, sem esquecer a Estação de Santa Maria Novella a 15 minutos a pé.
  • mappa
  • Imprimir mapa em formato PDF
  • Caso não possa ler documentos em PDF, faça download do Acrobat Reader.